VERANÓPOLIS, NOVA PRATA E BENTO GONÇALVES – PÁSCOA
02 abril 2021

R$445.00

Localização:

TERMAS E BEM VIVER – PÁSCOA 2021

Data da Partida: 02/04/2021
Data do Retorno: 04/04/2021
Transporte:  Rodoviário
Categoria: Feriados

56 em estoque

Descrição

O Vale do Rio das Antas é um local de extrema beleza cercado por uma paisagem exuberante. Além da vista magnífica, o lugar abriga encantos em suas pousadas, cantinas, restaurantes, vinícolas e alambique que contam diferentes aspectos da imigração italiana e aproxima o homem da natureza. A Ponte Ernesto Dorneles, também conhecida como ‘Ponte do Rio das Antas’ é uma das maiores do mundo em arcos paralelos suspensos. 

Veranópolis é uma terra de descobertas, de pioneirismo e de encantamentos. Hoje, é conhecida como a Terra da Longevidade. E não é por acaso: pesquisas científicas confirmaram que nesta cidade se vive mais e melhor. Gastronomia, tradição, religiosidade e belas paisagens. Terra que preserva sua cultura e suas belas edificações, como a Casa Saretta, que recebe o visitante na sua chegada; a Igreja Matriz, a Gruta N. Sra de Lourdes, entre outros pontos. E na entrada da cidade, o Portal Monumento celebra a colonização italiana no estado e o pioneirismo da cultura da maçã. 

Situado na microrregião colonial do Alto Taquari, o município de Nova Prata apresenta grande referência pelo número de imigrantes italianos e poloneses da região. Boa parte dos seus pontos turísticos faz referência a essas nacionalidades, tornando a cidade muito atrativa para visitantes de todo o país. Seu principal atrativo turístico é o Complexo Hidrotermal Caldas de Prata, o qual atrai turistas durante o ano todo para suas piscinas abertas e cobertas com água corrente jorrando a 41°C, tudo em meio à primeira Floresta Municipal do país.

Roteiro

ROTEIRO

1º Dia – SEXTA-FEIRA – 02/04/21

LOCAIS DE EMBARQUES E HORÁRIOS:

08 horas - PORTO ALEGRE: HAUDI PARK – (Rua Santo Antônio, 1 – Em frente a rodoviária)

Embarques possíveis: Canoas, Esteio, Sapucaia, São Leopoldo (Ao longo da rota).

10hs15 - Vinicola Cainelli - Uma vinícola pequena, rústica e familiar. É um lugar com muitos encantos em pleno distrito de Tuiuty, a casa antiga amarelinha de 1929 com janelas avermelhadas mais parece um cenário de filme. Por isso, só a casa já vale a visita.

Visita ao Museu e Degustação - A história da família Cainelli começou aqui, a mesma história se mistura com a história do povo local, na casa comprada em 1929 é possível vivenciar um pouco disso, regressar ao passado e sentir na pele como era a vida dos nossos primeiros imigrantes.

Na degustação são 2 vinhos e 1 espumante. Duração: 60 minutos / Valor: R$ 20,00.

11hs40 - Belvedere Espigão

Na subida da Serra do Rio das Antas, pela RST 470, encontra-se o Belvedere, onde visualizamos uma tela panorâmica da formação do Vale do Rio das Antas. Deste local pode-se observar o leito do rio, a estação férrea do Jaboticaba, a ponte da estrada de ferro e os túneis encravados nas montanhas. Observamos ainda neste local o ponto mais alto do Município, o Monte Claro.

12hs00 – Almoço Restaurante Dona Cândida em Veranópolis

À tarde, city tour em Veranópolis – Os Segredos da Longevidade – Explicados por Toni Formaiari:

- Portal Monumento - Marco de entrada de Veranópolis, homenageia os 125 anos da Colonização Italiana no RS quando inaugurado em 2000.

No alto de um dos seus braços, pode-se ver a representação das três gerações da família de imigrantes italianos, e no outro, a maçã, mostrando o pioneirismo do plantio da fruta no Brasil.

- Casa Saretta - Patrimônio histórico, a Casa Saretta foi construída por Erasmo e Domênico Saretta, imigrantes italianos chegados ao Brasil em 1886. Entre os anos de 1906 e 1907, Domênico construiu uma nova casa de dois pavimentos, totalmente em madeira, em forma de chalé, com lambrequins e telhas de madeira conhecidas como "scandole", típicas da arquitetura de imigração italiana e polonesa. Neste local tem para venda artesanato diversificado da Associação dos artesãos de Veranópolis;

- Igreja Matriz São Luiz Gonzaga - Construída em estilo neogótico, foi finalizada em 1933, em substituição à Igreja Imperial construída no século XVIII. A igreja atual foi construída em cruz e sua entrada está voltada para o leste, mesma formação da abertura das primeiras ruas do município. São Luiz Gonzaga, padroeiro da juventude e de Veranópolis, é celebrado em 21 de junho.

- Fonte da Longevidade - A fonte tem um formato de uma pequena escadaria onde do alto de mais ou menos uns dois metros de altura, desce a água que simboliza a longevidade.

- Gruta de Nossa Senhora de Lourdes - A primeira gruta, que abriga a imagem da Santa, foi construída em 1906. A modesta “grutinha” deu início às romarias, que desde então, se realizam todos os dias 11 de fevereiro. Em meados de 1944, com a necessidade de um local mais espaçoso, pois a concentração de devotos e romeiros era cada vez maior, deu-se início aos trabalhos da nova Gruta. A benção solene, com grandes festejos, aconteceu no dia 08 de setembro de 1946. A capela, com seus vitrais artísticos, foi terminada em 1964.

- Empório Bella Citá - Variedades de produtos coloniais da Serra Gaúcha: pães, salames, copas, bolos, biscoitos, mel, compotas, geléias, conversas e sementes a granel. Além de bebidas como vinhos, espumantes, licores, sucos e cervejas artesanais;

- Reino da Longevidade - Local que conta a história da família Fracasso, exaltando o trabalho em madeira que é presente na família a cinco gerações.

Possui cafeteria, com a tradicional torta de maçã, memorial da família e show room e venda de móveis vintage e rústicos.

19hs – Chegada no Hotel em Nova Prata – Hotel Vitória

Opção de Jantar no Restaurante do Hotel: Buffet livre por R$ 25,00

2º Dia – SÁBADO – 03/04/21

08hs30 – Após o café da manhã, saída para o complexo Caldas do Prata, que oferece ao mesmo tempo piscinas de águas termais e banho de rio.

Localizado às margens do Rio da Prata, junto ao Parque da Cascata da Usina, o complexo compõem um belo cenário com piscinas cobertas e ao ar livre, cachoeiras, penhascos e belas trilhas.

O lugar é lindo, as piscinas externas são separadas do Rio da Prata, apenas por um calçadão, com escadas que descem até as águas do balneário de águas rasas ao lado de belos pináculos e paredões de pedra e mata nativa.

O parque termal conta com 2 piscinas externas agrupadas (uma infantil e uma para adultos), e 5 piscinas internas localizadas dentro de um pavilhão. As águas brotam a uma temperatura de 41ºC, sendo que nas piscinas internas ficam em torno dos 35ºC e nas externas, 30ºC.

Sua propriedade principal é a crenoterapia, indicada para doenças do aparelho locomotor, cardiovasculares, dermatológicas, ginecológicas e neurológicas.

As águas termais, na forma de imersão, são benéficas para tratamentos de doenças reumáticas como artrite, artrose, tendinites, entre outros. Na forma de ingestão é indicada nas doenças do aparelho urinário e gastrointestinais. Além disso, são sedativas e relaxantes musculares, proporcionando uma sensação agradável.

Além das piscinas, o complexo dispões de banheiros e vestiários distribuídos em vários locais, um grande restaurante, lanchonete, lojinha, duchas, rampas e escadarias, quiosques, mesas e cadeiras na área externa.

O parque da Cascata conta com duas cachoeiras, um balneário, duas trilhas, Monólitos e paredões de pedra que formam um pequeno cânion.

A Cascata da Usina é uma bela cachoeira do Rio da Prata, com 45 metros de altura, que foi por muito tempo a principal atração de Nova Prata, hoje é o balneário termal, porém, as duas atrações estão juntas, a poucos metros uma da outra.

O balneário do Rio da Prata conta com uma grande área de pouca profundidade, abaixo da cachoeira formada por uma pequena represa, acessível por escadas e calçadas pavimentadas.

O parque conta com 2 trilhas: A primeira delas possui passarelas ao lado de paredões, passa por uma pequena cascata e leva até a frente da Cascata da Usina.

A segunda é uma trilha circular (conhecida como trilha das Bromélias) que atravessa o rio através de uma pinguela com cabos de aço, segue até a usina e a parte superior da cascata e faz uma volta acompanhando o rio.

Às 17hs – Retorno para o Hotel

20hs - Opção de Jantar: Pizzeria Italiana “LA PAROLA” feita com massa fresca assada em forno a lenha – À la carte. Maravilhosa!


3º Dia – DOMINGO – 04/04/21

09hs – Check Out do Hotel;
09hs30 – Canto Flora - Espaço de Biodiversidade - O Canto Flora é um reduto urbano para a Biodiversidade construído no entorno de uma casa da década de 40. Um bom lugar para passear, conhecer e adquirir plantas de um acervo variado, com plantas alimentícias, medicinais e ornamentais, e que inclui “plantas do tempo da vovó”, como a flor-de-cera e outras preciosidades. No interior da casa é possível adquirir produtos artesanais, geleias e produtos naturais para o cuidado do corpo e do ambiente da marca Amarú.

Participaremos da experiência 1 – passeio guiado e degustação. Duração: 1h – Passeio Opcional – Custo: R$ 10,00 por pessoa - Inclui degustação de duas pastinhas e ou geleias feitas com plantas alimentícias não convencionais com um chá medicinal.

Após, visita a Igreja Matriz São João Batista E Santuário De Nossa Senhora Aparecida:

A construção teve início em 1939 e sua bênção inaugural em 11 de maio de 1943. O arquiteto responsável pela obra foi o Senhor Criciano Betamin (Caxias do Sul). A igreja é do Estilo Eclético – entre Gótico e Romano, escolhido por uma comissão de paroquianos, e seu altar é uma belíssima obra sacra toda feita de mármore.

11hs30 - Parada na Ponte Ernesto Dornelles - Mais conhecida como Ponte das Antas, localiza-se no limite de Veranópolis e Bento Gonçalves. Ponte de vão único de cimento armado é a terceira do mundo e a primeira em arcos paralelos a ser construída no gênero, sendo orgulho da engenharia brasileira. Possui 278 metros de comprimento e 9 metros de largura, inaugurada em 31 de agosto de 1952.

12hs –Almoço – Restaurante Bene Mangiare – Centro de Bento Gonçalves – Buffet comida típica Italiana

13hs30 - Visita na Malhas G'Dom à é pioneira em Bento Gonçalves na confecção de malhas de tricot, com mais de 38 anos de história. Uma empresa de família empreendedora, dedicada e unida.

Na chegada o visitante é recepcionado e convidado a assistir um vídeo (de 2 minutos de duração) que apresenta todo o processo produtivo, desde o desenho da estilista até a embalagem das peças, onde é preparada para ser enviada ao cliente. Após faz-se uma visita à tecelagem. Lá, o visitante tem a oportunidade, através de uma passarela, de conhecer os 36 teares importados trabalhando e também tem uma breve explicação de como são feitas as peças. Depois, fica à disposição a loja, que possui mais de 300 modelos entre masculinos, femininos e infantis, com tamanhos do P ao G4. Como diferencial, além da qualidade dos fios utilizados, o cuidado que as peças são tecidas, destaca-se o ajuste para o seu tamanho na hora, visto que estamos na fábrica e tem uma equipe especializada para isso.

Vale dos Vinhedos – Bento Gonçalves

16hs – Queijaria Valbrenta - A simpática estátua de uma vaca e o charme do local convidam o turista a fazer uma pausa. A menor queijaria gaúcha com Inspeção Estadual elabora apenas 50 quilos de queijo por dia. Os queijos são produzidos artesanalmente e vendidos apenas no local ou na Fetina de Formaio, em Carlos Barbosa. A entrada para a visitação é gratuita, assim como a degustação de queijos e salames. O turista que desejar também pode acompanhar a produção, por meio de um vitral, no qual é possível visualizar a área de fabricação.

16hs30 – Devorata Trufas Artesanais

A Devorata é especializada na produção de recheios trufados há mais de 30 anos, diferenciando-se pela utilização de matéria-prima nobre e por produzir em pequena escala seus produtos. O segredo está na produção das trufas, uma a uma, garantindo o seu formato irregular e escondendo em seu interior um surpreendente e irresistível recheio cremoso.

A matéria-prima utilizada é o cacau de origem brasileiro, e não são adicionados saborizantes artificiais aos recheios (16 recheios no total) e tampouco gordura hidrogenada. Ou seja, nada irá mascarar o sabor do bom e puro chocolate.

17hs15 – Moinho Graciema – Degustação de saborosos sucos e geleias a base de frutas e ingredientes especiais, além de cervejas artesanais, que provam de que nem só de vinhos vive o Vale dos Vinhedos. Há pouco mais de 2 anos, abriram a cervejaria Wiatrak, uma homenagem as raízes europeias da família. Tradicional na produção de alimentos, a família encontrou nas cervejas uma forma de profissionalizar um passatempo amador de outra geração.

A palavra wiatrak significa moinho em polonês e homenageia os ancestrais poloneses, que utilizavam a energia dos ventos para processar os grãos das plantações, muito comuns na Europa Central.

Toda a produção é feita em Casca, distrito Santo Antônio do Palma, por dois motivos. O primeiro é que não se pode elaborar cervejas no vale dos vinhedos, por isso apenas o empório está aberto em Bento Gonçalves. E a segunda razão é que em Casca há uma nascente e a água sequer precisa ser tratada.

As cervejas Wiatrak do Moinho Graciema são todas puro malte com a receita aberta no rótulo: Pilsen, American Lager, American IPA e English Stout. A única exceção é a Wiatrak Witbier, que produzida com uva Moscato. É uma cerveja fresca, com aromas florais, acidez equilibrada, característicos da uva que foi adicionada no processo de fermentação da cerveja. Se a cerveja é a boa, a garrafa não deixa nada a desejar, já que parece de um espumante.

Às 18hs – Retorno para Porto Alegre.

Breve parada na Fruteira de São Vendelino com opção de compra de produtos coloniais.

Chegada prevista para 21hs.

O que Inclui?

* Transporte em ônibus de turismo com translado para todos os passeios descritos no roteiro;
* 2 pernoites em hotel com café da manhã estilo colonial;
* 1 ingresso para o Parque e ingresso para uso das piscinas no Complexo Caldas de Prata;
* City Tour pela região;
* Serviço de bordo (água, café, refrigerante e guloseimas);
* Guia Local em Veranópolis trajado com roupa típica italiana;
* Guia acompanhante do passeio desde Porto Alegre;
* Kit proteção, composto por 1 máscara de tecido duplo lavável e 1 frasco de álcool em gel para uso pessoal. (Todos deverão usar).

Luvas à disposição para quem optar pelo uso.

Valores e Condições

R$ 445,00 – quartos duplos
R$ 595,00 à vista – quarto single

Podendo ser parcelado em até 10x sem juros